Serras da desordem

Direção: 
Andrea Tonacci

SINOPSE

Índio nômade perambula pelas serras do centro do país depois que sua família é massacrada por um grupo de fazendeiros. Capturado em novembro de 1988, a dois mil quilômetros de distância de seu ponto de partida, é levado por um sertanista à Brasília. Sua história ganha as páginas dos jornais, gerando polêmica entre historiadores e antropólogos em relação à sua origem e identidade. Um dos maiores filmes dos últimos anos, Serras da desordem recebeu o Prêmio de Melhor filme e Fotografia no Festival de Gramado, Melhor filme na APCA e no I Prêmio Jairo Ferreira. Fotografia de Aloysio Raulino, Alziro Barbosa e Fernando Coster. Montagem de Cristina Amaral.

FICHA TÉCNICA

Duração: 
135
Ano de Produção: 
2006
País de Origem: 
Brasil
Cromia: 
Colorido
Formato de Exibição: 
35mm

PROGRAMAÇÃO

16.02.2017
quinta-feira | SALA BNDES | 19:00